COMO SER BEM-SUCEDIDO EM MEIO A UM CENÁRIO COMPETIVO, EIS A QUESTÃO!

Não se pode negar que vivemos em um mercado de trabalho totalmente competitivo, rival e avassalador. Um mercado de trabalho onde se vê uma verdadeira selva de profissionais lutando pela sobrevivência.

Afinal, profissões que antes eram gloriosas, hoje estão sofrendo o fenômeno da “saturação”, isto é, há muitos profissionais para pouca demanda.

É minha gente, o mercado mudou e quem não souber lidar com isso está fadado ao insucesso! Afinal, num mercado emergente onde tecnologias são mudadas na velocidade em que se troca de roupa, o profissional de hoje tem que estar preparado para mudanças.

Não se pode mais esperar do profissional deste século às mesmas atitudes, procedimentos e ideologias que eram feitas há alguns anos atrás.

Àquele pensamento de que ao terminar uma Universidade o sucesso estará garantido não corresponde mais a verdade. Até por que, na velocidade que as coisas estão acontecendo, corre-se o risco de ao término do curso universitário a profissão ao qual você escolheu não mais existir.

Tanto é verdade que antigamente, a criança que passasse horas na frente de um computador era tida como alguém que não teria futuro. Naquela época, profissionais de renome eram àqueles que haviam feito Medicina, Engenharia e Direito.

O que dizer, então, de quem passasse horas jogando futebol?

Ocorre que, atualmente, um dos profissionais mais bem pagos são àqueles que dominam a informática e que sabem jogador futebol. Veja, portanto, que o mercado mudou e continua mudando!

Depositar todas as suas fichas em uma carreira sólida, estável cujo sucesso é 100% garantido é um tanto quanto arriscado.

Neste sentido aduz o exímio consultor empresarial Mário Persona:

“Ter uma meta de carreira hoje é como escalar um Everest que cresce todos os dias e cujo pico não está mais lá quando você pensa que chegou. Você escolhe uma profissão de grandes possibilidades, faz 4 ou 5 anos de faculdade e, quando sai, descobre que já não existe mercado para sua atividade ou a profissão agora só é encontrada em parques temáticos”.

Portanto, devemos estar preparados para mudanças. Não tem como mais ficar parado, pois o mercado se movimenta de forma acelerada e assustadora. Destarte, “stand up!” Mexa-se!

Até por que, já dizia Joel Arthur Barker: “Visão sem ação é um mero sonho. Ação sem visão só nos faz perder tempo. A visão e a ação juntos podem mudar o mundo”.

Num mundo contemporâneo onde se exige tanto e o tempo é escasso para resolver tais coisas, onde a lei que se impera é a do “aqui e agora”, onde a concorrência é acirrada, violenta e cruel, é cediço que só sobreviverá a este cenário o profissional que conseguir se modificar e se adaptar a ele.  É a lei de Darwin a respeito da sobrevivência das espécies sendo aplicada no mercado global.

Assim sendo, um dos caminhos para se sobressair e dar um “up grade” é ter uma visão holística. Estar antenado as mudanças, vislumbrar oportunidades e descobrir nichos de mercado inexplorados ou ao menos fazer o trivial de forma diferente.

O profissional deve buscar sua singularidade, sua unicidade e a sua marca pessoal que o destaca dos demais.

Destarte, segue alguns itens que não podem faltar em sua jornada pela ascensão de sua carreira:

  • Nunca se deve parar de estudar e aprender – Deve-se estar em contínuo aperfeiçoamento, aprendizado, atualização, pois em mundo emergente que está em um processo de aceleração desenfreado, o profissional que for relapso a isto pode, ao final de sua carreira, ser um “acadêmico jurássico”. Não se pode mais esperar de um profissional que se formou utilizando o MS – DOS ou que fez digitação utilizando uma máquina de escrever, ficar ainda atrelado a estes conhecimentos.

Afinal, leis, softwares, carreiras, tecnologias, mudam e você tem que estar em contínuo aperfeiçoamento para estar preparado              a isso.

  • Estar sempre conectado com sua rede de contatos – Seu “Networking”, para que nos momentos mais cruciais de sua carreira você não caia no terrível abismo do desemprego.


  • Ter “feeling” Você deve colocar amor em seu trabalho, contagiando os seus subalternos, influenciando-os não pela sua arbitrariedade, mas pela pessoa que eles acreditam que você é. Você deve vender o “momento”, isto é, tornar o momento em que o cliente senta a sua frente como um momento especial, fazendo-o se sentir importante, valorizado, querido. Carisma, simpatia, bom-humor, bom-relacionamento são características importantes no que tange a gerenciar pessoas, influenciar colaboradores e conquistar clientes. Pode até soar de forma gritante e não muito agradável aos vossos ouvidos, no entanto, temos que ter em mente que somos um “produto”, portanto, saiba vender-se.


  • Necessário ter “Maestria”, “Conhecimento” e “Talento”. O saber por saber não basta, o profissional tem que ter o “feeling”, isto é, transmitir conhecimento com a maestria de um maestro que com certos encaixes de notas musicais consegue fazer uma belíssima música. É preciso talento para vislumbrar oportunidades e para criar seu diferencial.


  • Criatividade – Para sobrepor os desafios, criar sua “marca pessoal” e se destacar.

E, por fim, criar seu “Marketing Pessoal”. Afinal, o que adianta ser competente mas ninguém saber disso?

    Portanto, participe ativamente em entidades profissionais, promova palestras, ministre aulas de seu conhecimento, publique artigos de sua área de conhecimento em jornais, revistas, periódicos e em sites.  Até por que, para profissionais liberais o mais importante não é a propaganda e sim a publicidade.  A primeira consiste em você falar de si mesmo e a segunda em os “outros” falarem de si.

    Isto posto, pense nisso, pois meu desejo é que você obtenha sucesso em sua vida profissional.

    Por Lucas Peres Torrezan

    – advogado –

    Anúncios

    ~ por lucastorrezan em 19 de fevereiro de 2010.

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s

     
    %d blogueiros gostam disto: